Maio Amarelo: Confea na luta pela segurança no trânsito

access_time 1 ano atrás

O Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) zela pelos interesses sociais e humanos de toda a sociedade, inclusive nas estradas brasileiras. Neste mês, o Conselho adere ao movimento Maio Amarelo e chama atenção da sociedade para a importância de um trânsito melhor e com foco na prevenção de acidentes.

Enquanto instituição que abrange diversas modalidades de Engenharia ligadas ao trânsito, o Confea tem papel fundamental nesta causa, como argumenta o presidente eng. civ. Joel Krüger. “Nesse sentido, é fundamental o Conselho se posicionar e contextualizar a importância da Engenharia para um trânsito mais seguro”.

Com destaque para um airbag inflado, a campanha do Confea chama atenção dos motoristas dizendo: “Tá aí um projeto da Engenharia que gostaríamos que nunca fosse usado”. O mote leva à reflexão de que a Engenharia contribui para um trânsito melhor, seja quando profissionais desenvolvem acessórios de segurança, como freios ABS, ou quando planejam e operam o tráfego. Mas de nada adianta uma tecnologia preventiva, se todos os envolvidos no trânsito não estiverem comprometidos com a precaução. “Dirigir com responsabilidade é obrigação de todos. Faça como o Confea. Não só no Maio Amarelo, como durante todo o ano, faça parte dessa luta”, conclui o anúncio.

O público-alvo do anúncio vai além dos profissionais da Engenharia, Agronomia, Meteorologia, Geologia e Geografia registrados no Conselho. A ação está sendo veiculada nos canais de comunicação institucional e também para a população de várias capitais e municípios. Na lista dos canais de comunicação, jornais distribuídos nos sinais de trânsito, outdoor, táxidoor e propaganda em internet. Um dos anúncios começou a ser veiculado nesta semana em um dos maiores aplicativos de navegação de trânsito.

Por que amarelo – O amarelo simboliza atenção e a advertência no trânsito. Nessa linha, o movimento Maio Amarelo, que é de abrangência internacional, visa à conscientização para redução de acidentes de trânsito, considerando que o trânsito deve ser seguro para todos em qualquer situação. A ação teve início em 11 de maio de 2011, quando a Organização das ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

*Equipe de Comunicação do Confea

Fonte: CREA-MT

content_copyClassificado como