Rede de Controle realiza eleição da nova coordenação executiva para 2021

Rede de Controle realiza eleição da nova coordenação executiva para 2021

access_time 8 meses atrás

A Rede de Controle da Gestão Pública de Mato Grosso elegeu, na tarde desta quinta-feira (26/11), a nova Coordenação Executiva que ficará à frente dos trabalhos durante o ano de 2021. A eleição ocorreu durante a reunião ordinária realizada por videoconferência.

A Coordenação Executiva da Rede de Controle em Mato Grosso eleita, por unanimidade, para 2021 é composta pelo Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público de Contas (MPC), Controladoria Geral da União (CGU) e Advocacia Geral da União (AGU).

O Secretário do Tribunal de Contas da União em Mato Grosso, René Neuenschwander, ressaltou, durante o encontro, a importância da união entre as instituições de controle em prol da boa gestão pública, do combate à corrupção e ao estímulo da participação social. “A Rede de Controle tem um papel essencial na promoção de melhorias no Estado de Mato Grosso. Estamos unidos em várias instituições, cada uma no seu campo de atuação, para promover a troca de informações e o trabalho conjunto para combater o mau uso do dinheiro público e auxiliar os bons gestores.”

O Procurador-geral de Contas do MPC Alisson Carvalho de Alencar também salientou que a atuação em rede é imprescindível e tem trazido ótimos resultados para as instituições envolvidas. “A união de forças é um dos principais recursos para o combate à corrupção. O trabalho realizado em conjunto se torna mais eficaz e assertivo porque nossas experiências e competências se complementam. Participar da coordenação executiva da Rede é um desafio e uma grande responsabilidade, pois contamos com um time de pessoas extremamente valorosas buscando sempre os melhores resultados para a sociedade”, disse o Procurador-geral do MPC.

ÚLTIMA REUNIÃO DE 2020

A reunião telepresencial foi a última do ano de 2020. Durante o encontro, também foram colocados em pauta algumas ações previstas para 2021, como por exemplo, a possibilidade de realização de cursos e workshop sobre responsabilidade fiscal, planejamento, formulação de políticas públicas, gestão de riscos, entre outros, para auxiliar os novos administradores públicos, eleitos esse ano.

O Secretário do TCU em Mato Grosso, René Neuenschwander apresentou as principais ações realizadas em 2020, com destaque para os trabalhos iniciais do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção. “Apensar da pandemia ter mudado a forma de nos encontrar, conseguimos avançar em muitas frentes. Tivemos resultados nos trabalhos realizados pelos parceiros nas ações relativas ao Covid-19, nas ações realizadas pelos Grupos de Trabalho, bem como nas atividades empreendidas pela Audicom na busca do reconhecimento dos órgãos de controle interno municipais no Estado de Mato Grosso.”

Ao final da reunião, o Auditor da Secretaria do TCU em Mato Grosso, Carlos Ferraz, fez uma apresentação sobre o Projeto de Eficiência Hospitalar que deve abranger parceiros em todos os estados em 2021.

A próxima reunião ordinária, está marcada para o início do ano. Entretanto, a atuação dos Grupos de Trabalho seguem sendo realizada sem paralisação. Acompanhe os trabalhos e saiba mais sobre a Rede de Controle da Gestão Pública em Mato Grosso, através do site www.redecontrole.mt.gov.br/.

content_copyClassificado como